Quem sou...

Minha foto
Professora Ms Herik Zednik
Este Blog foi criado com o intuito de estimular uma reflexão sobre a Educação. Discutiremos a educação como processo de mudança, daí o nome educere, que significa conduzir-se de um lugar ao outro ou de uma situação para outra. Neste sentido, refletiremos sobre uma educação que vem de dentro para fora e não apenas falaremos da educação formal, mas de tudo que a permeia e a ela é atribuído. Desta forma, entendemos que "tudo é uma questão de educação" e que, por isso, abordaremos notícias, campanhas, projetos, política, cidadania, ciência e tantos outros assuntos, afinal, educação é muito mais do que produzir conhecimento formal, é também ampliar horizontes, transformar atitudes, vivenciar cidadania.
Visualizar meu perfil completo


"A mais potente arma nas mãos do opressor é a mente do oprimido" - Steven Biko

"Leia! Leia não apenas as palavras, imagens e símbolos estampadas nas mais diversas mídias. Leia o mundo nas suas mais diversas formas e significados, leia as entrelinhas. Leia o tangível, o audível, o visível e quem sabe até o invisível. Leia o mundo e faça as mais diversas interrogações, afinal como diria nosso educador Paulo Freire "a leitura do mundo antecede a leitura da palavra". Nós estamos no mundo e uma parte dele está em nós através de nossas leituras."
Herik Zednik

“O fracasso do professor começa no momento que ele desiste de aprender”
Herik Zednik


"Quanto mais simples é a pessoa, mais ela sobe no meu conceito"
Herik Zednik

"Não conheço nenhum país, cidade ou município no mundo que tenha se desenvolvido sem ter investido seriamente em educação"
Herik Zednik

"Não importa quanto dinheiro tenha, quantos cargos ocupe, quanta fama possua ou poder detenha, a essência precisa ter dignidade, honestidade, generosidade e também muita humildade."
Herik Zednik

Para conhecermos os amigos é necessário passar pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e, na desgraça, a qualidade. " Confúcio

"Que ninguém se engane, só se consegue a simplicidade através de muito trabalho.." Clarice Lispector

"A educação só produz resultados em sociedades em que as pessoas podem fazer escolhas pessoais e econômicas, dando-lhes a oportunidade de serem criadoras e descobridoras." (Odemiro Fonseca em "Benefícios da liberdade")

"Educação serve pouco se as pessoas não forem livres. É só lembrar o que aconteceu nos países socialistas, onde a educação era considerada de qualidade."

"O discurso da impossibilidade da mudança para a melhora do mundo não é o discurso da constatação da impossibilidade, mas o discurso ideológico da inviabilização do possível" Paulo Freire

"A mente que se abre a uma nova idéia nunca voltará ao seu tamanho original." Albert Einstein

"Bendito, bendito é aquele que semeia livros, livros a mão cheia e manda o povo pensar; o livro caindo na alma, é germe que faz a palma, é chuva que faz o mar.". Castro Alves

Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px

Featured Posts

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Há décadas, indicadores denunciam o trágico quadro da Educação de base. Mas foi preciso o Exame Nacional do ensino médio ser usado no lugar do vestibular e ser vítima de uma fraude para que a situação do ensino médio aparecesse. Enquanto o Enem não estava ligado à universidade, seus resultados mereciam pouco destaque, ainda que indicassem uma tragédia.

Quando se pergunta como explicar essa vergonha educacional em uma das grandes potências econômicas do mundo, a resposta está na preferência brasileira pelo topo da sociedade, não pela base. Cuidamos mais das universidades do que da Educação de base.

Um exemplo é que a quase totalidade dos que defendem cotas raciais para ingresso na universidade não luta pela abolição do analfabetismo, nem pelo aumento no número dos jovens negros que terminam o ensino médio. Outro exemplo é o Brasil se preocupar com o fato de termos apenas 13% dos jovens de 18 a 24 anos - chamada idade universitária - cursando a universidade, sem considerar que apenas um terço dos alunos que se matriculam no ensino médio consegue concluí-lo. Hoje, o número de vagas para ingresso na universidade é de 2,8 milhões, maior do que o número dos que terminam o ensino médio, 1,8 milhão. Mas as mobilizações são pelo aumento de vagas na universidade, e não pela conclusão do ensino médio.

O resultado é uma universidade sem base: os alunos entram sem condições de seguir plenamente o curso que escolheram e sem base complementar ao conhecimento específico de seu curso. As universidades sofrem um dilema: ficar com vagas ociosas ou ter vergonha dos alunos.

Mesmo os que terminam o ensino médio recebem uma formação deficiente. De acordo com o Pisa - que avalia o resultado da Educação no mundo -, em 2006, 55,5% dos alunos brasileiros foram reprovados com nota abaixo do nível 2, na escala até 5. E 27,8% deles ficaram abaixo do nível 1.

A Educação de base do Brasil está em 39ª posição entre 56 participantes. Atrás de países como Jordânia e Indonésia, cujas rendas per capita são R$8.160 e R$5.950, respectivamente, bem menores do que a brasileira, que é de R$16.490.

A grande fraude não está no vazamento de informações nas provas para o Enem-Vestibular para ingresso na universidade, mas nos resultados do Enem-Avaliação da qualidade do ensino básico no Brasil. Termos notas tão baixas no Enem é uma fraude maior do que o crime de se apossar dos resultados das provas do Enem. E essas notas medem apenas o desempenho dos alunos que concluem o ensino médio, sem considerar os que ficaram para trás. A fraude das fraudes é apenas um terço dos nossos jovens concluir o ensino médio, e de pouca qualidade. Quase universalizamos as matrículas nas primeiras séries do ensino fundamental, mas desprezamos a assistência, a permanência e o aprendizado.

A verdadeira e grande fraude do Enem está escondida: é a exclusão e o baixo desempenho dos alunos do ensino médio. A fraude é o ensino, e não o Enem. Mas a grande fraude - a exclusão dos jovens e as baixas notas do Enem - não importava para a opinião pública, até que ela ameaçou a lisura da seleção para entrar na universidade. A grande fraude era invisível. A maior fraude não está na ilegalidade de quebrar o sigilo das provas, mas no péssimo e imoral desempenho dos que nelas passaram.

Se a solução para a fraude menor está em melhorar o sistema de preparação das provas, incluindo o sigilo, a fraude maior só será superada por uma revolução na Educação de base. Entre as ações estão a criação de uma carreira nacional do magistério e um programa federal que assegure a todas as Escolas horário integral, com professores bem formados, bem dedicados, bem remunerados e com acesso aos mais modernos equipamentos.

Felizmente, a sociedade começa a despertar: o movimento Todos pela Educação reúne empresários; o Pacto pela Educação, promovido pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), reúne cientistas; o Movimento Nacional pela Educação reúne os maçons; o Movimento Educacionista reúne sobretudo os jovens.

Fonte: CRISTOVAM BUARQUE (senador PDT-DF).

Obrigada pela visita!!!

Redes Sociais

Hora certa

Previsão do Tempo

A Hora da e Escola

A Hora da e Escola
Toda quinta-feira, às 13h30min, na Rádio Caiçara

Blogs Indicados

Meus Vídeos

A Embriaguez do Movimento

Posts do Blog

Seguidores

Popular Posts