Quem sou...

Minha foto
Professora Ms Herik Zednik
Este Blog foi criado com o intuito de estimular uma reflexão sobre a Educação. Discutiremos a educação como processo de mudança, daí o nome educere, que significa conduzir-se de um lugar ao outro ou de uma situação para outra. Neste sentido, refletiremos sobre uma educação que vem de dentro para fora e não apenas falaremos da educação formal, mas de tudo que a permeia e a ela é atribuído. Desta forma, entendemos que "tudo é uma questão de educação" e que, por isso, abordaremos notícias, campanhas, projetos, política, cidadania, ciência e tantos outros assuntos, afinal, educação é muito mais do que produzir conhecimento formal, é também ampliar horizontes, transformar atitudes, vivenciar cidadania.
Visualizar meu perfil completo


"A mais potente arma nas mãos do opressor é a mente do oprimido" - Steven Biko

"Leia! Leia não apenas as palavras, imagens e símbolos estampadas nas mais diversas mídias. Leia o mundo nas suas mais diversas formas e significados, leia as entrelinhas. Leia o tangível, o audível, o visível e quem sabe até o invisível. Leia o mundo e faça as mais diversas interrogações, afinal como diria nosso educador Paulo Freire "a leitura do mundo antecede a leitura da palavra". Nós estamos no mundo e uma parte dele está em nós através de nossas leituras."
Herik Zednik

“O fracasso do professor começa no momento que ele desiste de aprender”
Herik Zednik


"Quanto mais simples é a pessoa, mais ela sobe no meu conceito"
Herik Zednik

"Não conheço nenhum país, cidade ou município no mundo que tenha se desenvolvido sem ter investido seriamente em educação"
Herik Zednik

"Não importa quanto dinheiro tenha, quantos cargos ocupe, quanta fama possua ou poder detenha, a essência precisa ter dignidade, honestidade, generosidade e também muita humildade."
Herik Zednik

Para conhecermos os amigos é necessário passar pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e, na desgraça, a qualidade. " Confúcio

"Que ninguém se engane, só se consegue a simplicidade através de muito trabalho.." Clarice Lispector

"A educação só produz resultados em sociedades em que as pessoas podem fazer escolhas pessoais e econômicas, dando-lhes a oportunidade de serem criadoras e descobridoras." (Odemiro Fonseca em "Benefícios da liberdade")

"Educação serve pouco se as pessoas não forem livres. É só lembrar o que aconteceu nos países socialistas, onde a educação era considerada de qualidade."

"O discurso da impossibilidade da mudança para a melhora do mundo não é o discurso da constatação da impossibilidade, mas o discurso ideológico da inviabilização do possível" Paulo Freire

"A mente que se abre a uma nova idéia nunca voltará ao seu tamanho original." Albert Einstein

"Bendito, bendito é aquele que semeia livros, livros a mão cheia e manda o povo pensar; o livro caindo na alma, é germe que faz a palma, é chuva que faz o mar.". Castro Alves

Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px

Featured Posts

quinta-feira, 29 de abril de 2010


No último sábado, 26/04, a Escola Deliza Lopes ofereceu uma manhã de lazer aos alunos que obtiveram excelente resultado nas avaliações externas. As atividades foram realizadas no Clube dos Calçadistas, com a realização de várias atividades recreativas e esportivas.

Segundo a diretora da escola, Professora Andréia Dorlange, os alunos são diariamente incentivados a realizarem as atividades de casa, frequentarem a escola com compromisso e determinação, bem como, desenvolver o hábito da leitura. Desta forma, o evento é uma forma de valorizar e reconhecer o esforço dos alunos.

“Eu gostei muito do passeio, joguei bola com os meus amigos, tomei banho de piscina e escorreguei no toboágua” (Thiago F. Araújo – 4º. Ano); “valeu a pena eu me esforçar, pois ganhei um presente ótimo, eu fui para ao Clube dos Calçadistas e foi muito legal” (Paloma S. Koczicki – 5º. Ano B). Percebemos através dos depoimentos dos alunos que a estratégia contribui para estimula-los e obterem bom desempenho na escola.

A escola agradece o apoio do presidente do sindicato dos calçadistas, Sr. Francisco Raniere.

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Os Jovens Embaixadores de Sobral: Hemison Magalhães (2009) e Nazareno Araújo (2010) se encontraram com o Embaixador dos EUA no Brasil, Thomas A. Shannon, na última terça-feira (dia 20), em Fortaleza. O encontro aconteceu durante visita do Embaixador americano as instalações da Universidade de Fortaleza (UNIFOR), onde foi recebido pelo chanceler Airton Queiroz.
Juntamente com o Embaixador estiveram em Fortaleza o cônsul dos EUA no Nordeste, Christopher Del Corso; o adido de Diplomacia Pública, Christopher Jester e o especialista em Diplomacia Pública, Edvaldo Amorim. A comitiva dirigiu-se em seguida ao auditório da Biblioteca, onde teve um encontro com estudantes da Unifor e participantes do programa Jovens Embaixadores.
Em comemoração ao Dia do Livro Infantil, comemorado no dia 18 de abril, as escolas da rede municipal de ensino realizaram durante toda a semana passada, uma sequências de atividades voltadas para o incentivo à leitura com momentos lúdicos, muita imaginação e criatividade. A exemplo, temos o trabalho realizado pelo Centro de Educação Infantil Jacyra Pimentel, localizado no bairro Sinhá Sabóia, que em parceria com o SESC, obteve inspiração no escritor Monteiro Lobato e toda a sua turma do “Sítio do Pica-Pau Amarelo”.
As atividades dentro e fora da sala de aula estavam recheadas de muita contação de história, música, dramatizações, exposições de livros, entre outros.
A Escola José Parente Prado realizou no período de 19 a 24 de abril, a exposição coletiva RETALHOS, que mostra o trabalho de alunos atendidos pelo Programa Jornada Ampliada. São 24 painéis feitos a partir da montagem de pequenas telas, fazendo lembrar uma colcha de retalhos.
A Exposição esteve na Biblioteca Municipal Lustosa da Costa, sob a curadoria de Ed Ferreira.

O PSF do Dom Expedito e a Escola Padre Osvaldo Chaves reunirão o público da escola entre 10 e 16 anos para fazer a entrega da Caderneta de Saúde do Adolescente. A caderneta reúne informações sobre como evitar doenças, sobre mudanças no corpo, além de orientações sobre saúde sexual e reprodutiva, saúde bucal e alimentação.

Na ocasião o PSF fará uma explanação sobre a importância e o uso da referida caderneta. Vale destacar que esta iniciativa representa um avanço no fortalecimento do atendimento das crianças e jovens desta faixa etária.

O evento será no dia 30/04, a partir das 8:00h, na sala de atos. Contaremos com a participação da gerente do PSF, os agentes de saúde, enfermeira e médico, além dos coordenadores, diretora da escola e professores.

terça-feira, 27 de abril de 2010
Secretarias estaduais e municipais de educação terão até o dia 31 de maio para assinarem o termo de adesão ao PNLD (Programa Nacional do Livro Didático). O documento está sendo encaminhado aos gestores, via correios, pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação). A partir de 2011, somente as escolas da rede pública que aderirem ao programa receberão os livros didáticos.

Antes da mudança todas as escolas recebiam o material. Segundo o MEC (Ministério da Educação), havia municípios que recebiam os livros, mas não os utilizavam.

O PNLD é responsável pela seleção, compra e distribuição gratuita de obras didáticas para estudantes da educação básica da rede pública. Em 2010 foram entregues cerca de 114,8 milhões de exemplares de língua portuguesa, matemática, história, geografia, ciências, química, física e biologia.

No final deste ano, o FNDE passará a distribuir, também, obras de língua estrangeira (inglês ou espanhol) para alunos do sexto ao nono ano do ensino fundamental. Já os estudantes do ensino médio receberão livros de língua estrangeira, sociologia e filosofia para uso no ano letivo de 2012.

23/04/2010 - UOL Educação

A Escola de Formação Permanente do Magistério e a Secretaria da Educação convidam para a terceira atividade do Eixo de Formação OLHARES – O Oficio de Educar do ano de 2010.
A atividade é Mestre do Ofício, com a oficina “ Desperta educador a tua criança neste canto e nesta dança”, ministrada por Lu Chamusca, no dia 27 de abril, às 19:00 horas, no Centro de Convenções de Sobral – Auditório Vênus


Lu Chamusca ( Lúcia Margarida Chamusca de Carvalho), arte-educadora, escritora, compositora e intérprete, produtora de arte para criança, autora e diretora do Projeto Brincando de Cantar na Escola, facilita vivências e oficinas a mais de 20 anos em congressos nacionais e internacionais em todo Brasil.

Para saber mais: brincandodecantar@hotmail.com
Obs:
Os participantes da oficina deverão utilizar roupas confortáveis (calça comprida e sandálias baixas ou tênis).
sexta-feira, 23 de abril de 2010
Em comemoração ao dia do Livro Infantil (18 de abril) as escolas da rede municipal de ensino realizaram durante esta semana sequências de atividades voltadas para o incentivo à leitura com momentos lúdicos, muita imaginação e criatividade. A exemplo, temos o trabalho realizado pelo Centro de Educação Infantil Jacyra Pimentel, localizado no bairro Sinhá Sabóia, em parceria com o SESC, onde nesta segunda-feira iniciou sua programação comemorativa do dia do Livro Infantil, tendo como grande inspiração o escritor “Monteiro Lobato” e toda turminha do “Sítio do Pica-Pau Amarelo”.

As atividades dentro e fora da sala de aula estavam recheadas de muita contação de história, música, dramatizações, exposições de livros, entre outros. “Nós educadores precisamos permanentemente todos os dias possibilitar aos nossos alunos o contato direto com o universo da leitura, quer seja através de livros, contaçãos de histórias, poesia, música...” ressaltaram as Coordenadoras Pedagógica Aureni e Carlinda.

O Núcleo Gestor da Escola Maria do Carmo Andrade elaborou junto à comunidade local (professores, funcionários e pais de alunos) um plano de ação emergencial para combater a infrequencia escolar em 2010. Dentre as atividades prioritárias, citamos a parceria com o Conselho Tutelar, que vem atuando ativamente nesta comunidade para juntos garantirmos um futuro digno para as crianças que residem no Bairro Pedrinhas.

O Conselho ministrou palestra na reunião de pais e mestres e visitou as turmas do 6º ao 8º Anos, onde a infrequencia ainda é um grande desafio para os gestores em geral. Foram notificadas algumas famílias das quais os filhos apresentam incidência altíssima de faltas desde janeiro.
“Não temos duvida da nossa missão, porém os pais também precisam compreender que lugar de criança é na escola todos os dias, acrescenta a gestora Joelma Xavier”.
quinta-feira, 22 de abril de 2010

No último 16 de abril, o Distrito de Patriarca esteve em festa por ocasião da abertura oficial do Programa Jornada Ampliada, promovido pela Escola Deputado Pery Frota.

A articuladora do programa Marília Britto iniciou o evento com o tema “A páscoa”. O assunto foi aprofundado com a palestra “o verdadeiro sentido da páscoa” - palestrante professor Tárcísio Aguiar Filho, formado por alunos da escola.

O evento também contou com apresentação da peça teatral “Os discipuluzinhos numa aventura da páscoa”, coordenada pela professora Conceição Gomes, e “a dança” pela professora Ana Alice de Souza.

A quadra esportiva foi ornamentada pelos alunos que produziram os símbolos da páscoa . A realização da festa teve a colaboração de alunos, professores e comunidade, comprovando a importância da integração escola/ comunidade.



O objetivo é permitir que cada uma dos dois bilhões de crianças nos países em desenvolvimento tenha um laptopA fundação One Laptop Per Child (OLPC) é uma organização sem fins lucrativos que pensa grande. Desde 2007, vem vendendo computadores laptop de baixo preço e alta resistência a governos de países em desenvolvimento. O objetivo é permitir que cada uma dos dois bilhões de crianças nos países em desenvolvimento tenha um laptop.

O avanço vem sendo lento. Cerca de 1,6 milhão de laptops produzidos sob os auspícios da organização foram distribuídos até o momento, disse Matt Keller, vice-presidente de operações mundiais da organização, sediada em Cambridge, Massachusetts. Hoje, as maiores concentrações de máquinas do grupo estão no Uruguai (cerca de 400 mil), Peru (280 mil), Ruanda (110 mil), Haiti e Mongólia (15 mil cada).

Em 2006, o site da organização definia seu laptop como uma tecnologia que "pode revolucionar a maneira pela qual educamos as crianças de agora". Hoje, a organização já não fala em revolucionar. O site agora adota termos mais discretos, e propõe "desenvolver um recurso essencial ¿crianças bem educadas e preparadas". "O maior obstáculo a que levemos nosso sonho adiante é o custo", diz Keller.

Até agora, 90% das máquinas distribuídas foram pagas pelos governos dos países destinatários, cujos recursos são extremamente limitados. Perguntei a Keller se os proponentes da ideia não haviam reconsiderado a meta de "um computador por criança". "Um laptop por classe" certamente não é um slogan tão inspirador, mas talvez seja melhor difundir mais os benefícios em curto prazo, ajudando uma proporção maior dos quase dois bilhões de crianças que não foram beneficiadas.

Ele declarou que uma mudança como essa estava fora de questão. "Um para um, crianças e laptops ¿ a natureza interativa da experiência está no cerne daquilo que fazemos", ele disse. Quando uma criança é dona de um laptop, o horário escolar na prática cresce de algumas horas para 12 ou 14 horas diárias ¿ todo o tempo em que a criança estiver acordada, e não importa onde.

Alguns pesquisadores da Microsoft na Índia estão estudando como permitir que as crianças usem melhor os computadores já distribuídos, mesmo que esse uso seja compartilhado. Em um dos projetos, programadores da Microsoft desenvolveram um software que encaixava múltiplos cursores na tela, permitindo que estudantes competissem ou colaborassem para responder perguntas de múltipla escolha.

A ideia foi bem recebida nas escolas, e a Microsoft deu ao produto gratuito o nome de MultiPoint. "Por brincadeira, apelidamos o projeto de 'um mouse por criança'", diz Kentaro Toyama, que dirigiu a empreitada durante os cinco anos que passou no grupo de tecnologia para mercados emergentes, parte da divisão de pesquisa da Microsoft na Índia.

Toyama conquistou um doutorado em ciências da computação na Universidade Yale, se demitiu da Microsoft em dezembro e agora está pesquisando na Escola de Informação da Universidade da Califórnia em Berkeley. Ele vem realizando palestras em universidades norte-americanas sobre a "utopia tecnológica" que vê em iniciativas como a do projeto One Laptop Per Child, ou Classmate PC, da Intel, e até mesmo no MultiPoint. Ele diz que essas iniciativas se baseiam no mito de que "a tecnologia é o gargalo, nos países em desenvolvimento".

Muitas outras coisas também representam gargalos, diz ¿ entre as quais limitações institucionais, situação econômica, infraestrutura básica de serviços e situação política. E tecnologia tampouco deve ser entendida como sinônimo de educação.

"Inicialmente, tínhamos a ideia de que um computador seria capaz de compensar o absenteísmo ou mau treinamento dos professores", disse. "Mas estudos sobre o uso escolar de computadores pessoais mostram resultados na melhor das hipóteses contraditórios. A maioria demonstra que uma boa escola, com bons professores, tem usos positivos para computadores, mas não bastam computadores para consertar os problemas das más escolas".

Ao descrever o lado utópico dessas ideias de avanço via tecnologia, ele disse que "em resumo, todo mundo está em busca de um atalho".

Keller afirma, sobre a declaração de Toyama, que "não existe solução mágica, ele tem razão". Mas Keller argumenta que boa alfabetização e acesso à informação são pré-requisitos para o crescimento econômico e político, e que "a tecnologia pode ajudar a fomentar essas coisas".

Entre os problemas de infraestrutura que a equipe de pesquisa da Microsoft viu na Índia rural está a baixa confiabilidade da rede elétrica. Isso levou outro grupo de pesquisa da empresa a oferecer aos agricultores de um distrito via celular e mensagem de texto a mesma informação que eles podem obter com o uso de computadores.

Muitos dos laptops distribuídos pela fundação One Laptop Per Child estão equipados com paineis solares que recarregam a máquina em três horas e permitem quatro a seis horas de uso. Keller disse que no começo do ano que vem será lançado um novo modelo com consumo ainda menor de energia. As novas máquinas poderão ser carregadas rapidamente, por meio de uma manivela. Acionar a manivela por um minuto permitirá usar o computador por 10 minutos.

Keller conta algumas histórias comoventes sobre suas visitas a aldeias que receberam laptops ¿ e sobre a facilidade natural que as crianças de todo o mundo demonstram no uso de laptops. "Estive em Ruanda, onde o laptop foi introduzido em um ambiente no qual antes não havia quaisquer aparelhos eletrônicos", conta, "e em três ou quatro dias havia meninos e meninas de oito e 10 anos usando os aparelhos de forma tão efetiva e eficiente quanto eu".

Agora ele está tentando conquistar verbas do governo dos Estados Unidos para oferecer a todas as crianças do Afeganistão laptops com acesso à internet. Ao preço de US$ 250 por laptop, o projeto custaria US$ 750 milhões.

Em Cabul, ele diz, o ministro da Educação afegão lhe disse que o projeto permitiria que "meninas estudem e se conectem da segurança de suas casas". É uma visão quase irresistível, mas um cético poderia apontar para as lições da História e lembrar que a tecnologia jamais funciona de forma isolada.

Randall Stross
Fonte: 20/04/2010 - The New York Times
Tradução: Paulo Migliacci ME
Projeto de lei quer permitir ingresso no ensino superior para alunos do 2.º ano do ensino médio aprovados em vestibular

Estudantes que concluíram o segundo ano do ensino médio e foram aprovados no vestibular poderão ingressar no ensino superior se aprovado um projeto de lei que tramita na Câmara Federal e pretende alterar o artigo 44, da Lei de Diretrizes e Bases (LDB) da Educação nacional. A proposta, que tramita em caráter terminativo na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), de autoria do deputado Sebastião Bala Rocha (PDT-AP), ainda depende de aprovação no Senado para entrar em vigor.

Enquanto está em tramitação, estudantes e educadores têm mostrado opiniões diferentes quanto ao que a medida pode provocar, caso seja aprovada. Uma das preocupações dos educadores é com relação à aceleração de etapas de ensino que uma lei como esta pode trazer. Para o chefe do departamento de processos seletivos da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Jair Almeida, a aprovação no vestibular não deve dispensar a conclusão do ensino médio. “Uma coisa é tratar como gênios os estudantes que passam em vestibulares de alto nível. Mas temos vestibulares em que é muito fácil passar. É muito complicado este tipo de analogia”, diz.

Fonte:
20/04/2010 - Gazeta do Povo (PR)
Levantamento aponta que a maioria dos afastamentos de docentes está diretamente ligada às condições de trabalho ruins

Salas de aula superlotadas, assédio moral e o desrespeito de alunos são os vilões que mais contribuem para adoecer e afastar professores e funcionários das Escolas públicas do Paraná. Conforme levantamento do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Paraná (APP – Sin¬dicato), no primeiro semestre do ano passado, 29,88% de um universo de 7.612 professores e funcionários da rede pública estadual deixaram de trabalhar por um ou mais dias. Desse total, 36% ficaram doentes em decorrência das más condições de trabalho. Outros 22% faltaram por estresse, 6% alegaram estar com doenças osteomusculares e 35% pediram licença por outros motivos.

Conforme a pesquisa, os 36% dos professores e funcionários afastados pelas más condições de trabalho adquiriram doenças relacionadas a inúmeros fatores, entre eles, ruídos na Escola – muitas vezes causados pela proximidade das quadras esportivas das salas de aula; problemas de voz decorrentes da necessidade de controlar muitos alunos em sala e complicações na coluna provocadas por móveis inadequados usados por funcionários da administração.


18/04/2010 - Gazeta do Povo (PR)
Veja pesquisa na íntegra no endereço http://www.todospelaeducacao.org.br/Comunicacao.aspx?action=5&mID=7237

Em busca de uma saída, o ministro da Educação, Fernando Haddad, quer criar uma mesa de negociação para cuidar da implementação do piso. Ele fez a proposta no encerramento da Conferência Nacional de Educação, no último dia 1º, em Brasília.

Ele observa que, na briga do piso, sobram críticas e faltam informações detalhadas sobre a realidade dos 5.564 municípios brasileiros. A própria Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) admite o problema: no mês passado, a entidade promoveu um dia de paralisação em defesa do piso e divulgou balanço nacional restrito à situação das redes estaduais. Segundo a CNTE, seis estados não cumprem o piso: Ceará, Goiás, Pernambuco, Rondônia, Rio Grande do Sul e Tocantins. Além disso, 18 não teriam atualizado seus planos de carreira à luz da nova lei. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informou que um levantamento de dados está em curso.

Independentemente da decisão do Supremo, Haddad aposta que o piso acabará servindo de referência para os salários-base, ou seja, prevalecerá a redação original da lei. As gratificações incidirão sobre o valor mínimo.

Ele admite rever os critérios de auxílio federal a prefeituras que não consigam pagar o piso. Mas considera que dificilmente uma prefeitura não terá recursos para isso, já que 60% das verbas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) devem ser gastos com pessoal.

A lei aprovada em 2008 determinou que nenhum professor com diploma de magistério (nível médio) deveria receber menos de R$950 mensais por jornada de 40 horas semanais, a partir de 2010. Para a CNTE, esse valor de referência deveria ter sido reajustado em 2009. Para o MEC, só em 2010. A interpretação da fórmula de reajuste também varia. Daí as discrepâncias de valores defendidos pelas duas entidades e o governo.

Especialistas concordam, porém, que o professor é figura chave para melhorar o ensino. O Plano de Desenvolvimento da Educação tem como meta que os alunos brasileiros do 5º ano do ensino fundamental atinjam, em 2021, o nível de conhecimento alcançado pelas crianças do mundo desenvolvido em 2003.

Fonte:
18/04/2010 - O Globo (com algumas alterações)

O Ministério da Educação vai reforçar a rede de escolas técnicas no estado. Das 214 unidades previstas pelo Governo Federal, oito estão no Ceará. Acaraú, Canindé, Crateús, Aracati, Baturité, Jaguaribe, Tauá e Tianguá são os municípios contemplados. A expectativa é que, ainda neste ano, o acesso ao ensino seja ampliado, com o incremento de vagas no fundo de financiamento do estudante do ensino superior. Outra meta do Ministério é mudar as regras do fundo de financiamento ao estudante do ensino superior.

A ideia do MEC é criar um fundo para substituir a figura do fiador e evitar que estudantes deixem de pagar as mensalidades, já que o Fies é um programa de financiamento para quem não tem condições financeiras para custear uma faculdade.
De acordo com o ministro da educação, Fernando Haddad, o MEC pretende oferecer o financiamento antes mesmo do aluno ter se matriculado na faculdade.

Fonte: Portal Verdes Mares



Acontece em Sobral, de 27 a 29 de abril o SEMINÁRIO MÚSICA, EDUCAÇÃO E NEGOCIOS.

Oficinas, debates, mesas redondas, relatos de experiência e discussões sobre questões relacionadas à música enquanto negócio, empreendedorismo em música, formação musical e associativismo.

Presença de grandes nomes ligados ao setor.

Encerramento com show musical de Humberto Pinho

Você não pode perder.

Informações: (88) 9241 6359 (88) 99354001

Realização: SEBRAE e Prefeitura Municipal de Sobral (Secretaria da Cultura e Turismo, ECOA e Secretaria de Tecnologia e Desenvolvimento Econômico)
segunda-feira, 19 de abril de 2010

Sábado, 17, a Escola Ivonir Aguiar realizou a 1ª atividade de lazer do Projeto 100% Frequência. A atividade acontece em parceria com o SESC e já faz parte do calendário anual da escola.

O objetivo é valorizar os alunos com 100% de freqüência na escola num determinado período letivo. Neste momento, o período contemplado foi de fevereiro a março e 161 alunos participaram de uma alegre manhã de lazer.

A direção da escola considera de grande importância a atividade, pois além de estimular a boa freqüência dos alunos, serve também como meio de consolidar as relações entre alunos e professores, favorecida pelo contato com alunos de salas e turnos diferentes, bem como professores fora do ambiente formal da escola.



Pasrticipe!
Inscrições abertas
Data: 22 a 24 de abril
Vagas limitadas.
Mais informações pelo (88) 36112956 ou 36115484.
quinta-feira, 15 de abril de 2010

No último sábado, dia 10, aconteceu durante a IX Bienal Internacional do Livro do Estado do Ceará, no Centro de Convenções do Ceará, o lançamento da coleção “Abrindo Trilhas para os Saberes” e da coletânea “Reflexões na docência: o professor e as boas práticas”.

As publicações são fruto dos I e II Colóquios “Abrindo Trilhas para os Saberes”, realizados em Fortaleza nos anos de 2008 e 2009, e do Encontro de Práticas Educacionais promovido em Iguatu no ano passado. Ao todo, foram lançadas três coletâneas que reúnem o total de 81 artigos e uma coleção composta por quatro títulos individuais de autoria dos professores da rede estadual, Juliana de Brito Marques do Nascimento, Maria Elisângela do Espírito Santo, Alex Sander Barros Queiroz e Eder Paulus Moraes Guerra (Diretor da Escola Ribeiro Ramos, Sobral).

O Prêmio Nacional de Referência em Gestão Escolar – Ano Base 2009 está com inscrições abertas até 15 de abril. Podem participar as escolas do ensino regular das redes públicas estaduais, municipais e/ou conveniadas. Os interessados deverão encaminhar os documentos necessários à candidatura, conforme Manual de Orientações, às Coordenadorias Regionais de Desenvolvimento da Educação(Crede), no interior, e Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza(Sefor), na capital.



Em sua 11ª edição, o Prêmio é uma iniciativa conjunta do Conselho Nacional dos Secretários de Educação(Consed), União dos Dirigentes Municipais de Educação(Undime), da Unesco e da Fundação Roberto Marinho.



A iniciativa destaca-se como um dos mais relevantes instrumentos de mobilização e de auto-avaliação das escolas públicas brasileiras, objetivando contribuir para que estas passem a incorporar uma cultura de auto avaliação de seu processo de gestão, bem como destacar e disseminar as experiências de referência na área.



A primeira escola de cada Estado/ Distrito Federal selecionada recebe, além do diploma Escola Referência Nacional em Gestão Escolar, a importância de R$ 2.000,00 e uma coletânea de vídeos educativos concedidos pela Fundação Roberto Marinho. Os(as) diretores(as) dessas escolas são contemplados(as) com o diploma Liderança em Gestão Escolar e recebem como prêmio a participação em viagem de intercâmbio no Brasil e/ou no exterior.



As seis escolas finalistas receberão R$ 3.500,00, e dentre essas escolas, a que for selecionada para o primeiro lugar recebe o prêmio de R$ 15.000,00, concedido pela Fundação Roberto Marinho e também o diploma Destaque Brasil.


As visitas ocorrerão nas escolas Liceu do Ceará, a partir das 9h e Jesus, Maria, José, às 10h30min. O objetivo é preparar um amplo diagnóstico das escolas públicas, contendo informações detalhadas sobre pontos como infra-estrutura, material didático utilizado e nível de aprendizagem.

As visitas prosseguem até o mês de junho e vão abranger cerca de 150 escolas de Fortaleza e da Região Metropolitana. “Isso representa cerca de 25% das escolas públicas do Ceará, é uma amostra mais do que significativa”, afirmou o deputado Artur Bruno, presidente da Comissão. O diagnóstico será feito através de questionário que engloba tópicos como infra-estrutura, sistema de matrícula, gestão escolar, condições de acessibilidade, ambiente escolar, profissionais da educação e nível de aprendizagem.

Após as visitas, que devem prosseguir até junho, será elaborado um relatório com o objetivo de oferecer melhorias às escolas públicas.

Prefeito Leônidas, Professores
e Alunos
Alunos entregam carta reivindicatória
ao Prefeito Leônidas

Na tarde desta quarta-feira, 14, alunos da escola educacional SESC-Sobral, visitaram o prefeito Leônidas Cristino em seu gabinete. Na ocasião os alunos da quinta série entregaram ao prefeito uma carta reivindicando melhorias para as ruas no entorno da escola. Após o recebimento da carta, o prefeito falou aos estudantes sobre as melhorias que já foram feitas na rua do colégio como: saneamento básico, a obra da avenida Maria Alice Barreto (em construção), que vai ligar a escola à avenida José Euclides F. Gomes Jr; além da urbanização das ruas no entorno da escola. Ao final do encontro o prefeito agradeceu a visita dos alunos e professores e colocou-se à disposição para quaisquer outros esclarecimentos.

A Universidade Estadual Vale do Acaraú abriu nesta segunda-feira (12) as inscrições para o vestibular 2010.2, que podem ser feitas até o dia 30 de abril, na Comissão Executiva de Processos Seletivos (CEPS), no campus da Betânia e, ainda, em Tianguá, Camocim e Fortaleza. Para candidatos com necessidades especiais o período de inscrições é de 26 a 30 de abril. Os endereços estão disponíveis no Edital, que pode ser acessado pelo site da UVA:http://www.uvanet.br/.
A UVA está oferecendo 1.075 vagas em 19 cursos de graduação, nas áreas de Ciências Humanas, Ciências da Saúde, Ciências Exatas e Tecnologia, Ciências Jurídicas e Ciências Agrárias e Biológicas. As provas de conhecimentos gerais, redação e conhecimentos específicos serão realizadas no dia 13 de junho, em Sobral.


Convidamos V. Sa. para participar do lançamento do livro "A rede mágica", do professor Francisco José Freire de Andrade, que realizar-se-á dia 18 de abril, às 17h, no Centro de convenções de Fortaleza no bloco F, estande No. 96/97.
Temos a honra de apresentar o nosso apoio ao autor, através da publicação da sua obra de literatura infantil, valorizando nossa cultura e divulgando-a, para os educadores, jovens e crianças, por meio da IX Bienal Internacional do Livro do Ceará.

A professora Maria Norma Maia Soares convida para o lançamento da história quadrinizada Onde a luz fez a curva, de sua autoria, no dia 15 de abril, quinta feira, às 17:00h, no Espaço Natércia Campos do Escritor Cearense – Academia Cearense de Letras – ACL, stand da Secult, Bloco C, IX Bienal Internacional do Livro, no Centro de Convenções.

A apresentação da autora e da obra será feita pelo deputado estadual Professor Teodoro.

Logo em seguida, o deputado Professor Teodoro convida também para o lançamento do livro Compromisso Cristão, de sua autoria, que será lançado no dia 15 de abril, quinta feira, às 19:00h, no Auditório As Três Marias, Bloco B, IX Bienal Internacional do Livro, no Centro de Convenções.

quarta-feira, 14 de abril de 2010
Aprendizagem na disciplina ocorre a longo prazo. Levar o aluno a entender o contexto, usar jogos e tecnologia podem tornar processo mais agradável


A tecnologia aliada à criatividade dos professores tem ajudado a tornar a matemática mais atraente para os estudantes. Avaliações de desempenho mostram que dominar a disciplina não é o forte dos brasileiros. O Sistema Nacional da Avaliação da Educação Básica (Saeb) de 2007, último resultado disponível, mostra que estudantes brasileiros da 8.ª série do ensino fundamental, que deveriam ser capazes, por exemplo, de calcular o valor de uma expressão algébrica, incluindo potenciação, conseguem realizar apenas operações como multiplicação e divisão com dois algarismos, conteúdo que deveriam ter dominado na 4.ª série do ensino fundamental.

E a dificuldade com a disciplina se arrasta desde as séries iniciais. Na 4.ª série, de acordo com dados do Saeb, os alunos dominam habilidades que deveriam ter vencido na 2.ª série. O Saeb é um dos exames que integra a avaliação da Educação básica no Brasil. É feito a cada dois anos e avalia uma amostra dos alunos matriculados nas 4.ª e 8.ª séries do ensino fundamental e 3.º ano do ensino médio, de Escolas públicas e privadas, localizadas em área urbana ou rural
.

O que a avaliação mostra, na opinião de especialistas, é que boa parte da relação de ódio com números e operações, muito comum em crianças e adolescentes em idade Escolar, tem origem no ensino fundamental. Para o professor da Universidade Paris Gerard Vergnaud referência mundial em Educação matemática, autor do livro A criança, a matemática e a realidade, que acaba de ganhar versão em português, uma das razões que explicam esse conflito é que o aprendizado em matemática ocorre ao longo dos anos. Vergnaud é criador da Teoria dos Campos Concei¬tuais, que ajuda a entender como as crianças constroem os conhecimentos matemáticos. Para ele, os professores precisam usar mais desta teoria. “Os professores têm que se aliar aos pesquisadores e realizar um estudo empírico para acompanhar e dizer o que cada criança é capaz de aprender em cada idade. Os professores não têm conhecimento desta diversidade. E menos ainda os pais”, diz. O professor francês esteve em Curitiba no mês passado para ministrar palestra aos docentes do Grupo Positivo.

Para Vergnaud é possível, mas difícil, tornar o ensino da matemática mais atraente, devido à seriedade que permeia a disciplina. “Ao mesmo tempo em que há situações que se aproximam das vividas pelos jovens e crianças, a matemática é uma coisa muito séria. E por isso, a maior parte das crianças se enche. O uso de atividades lúdicas com a seriedade da matemática é um equilíbrio difícil de achar”, diz.

Fonte: 13/04/2010 - Gazeta do Povo (PR)
As crianças sobralenses Gisele, Ana Klívia, Israelle e Bruno Ávila, alunos da Escola Municipal Dep. Francisco Monte, do distrito de Taperuaba, fizeram grande sucesso durante a “Exposição de Experiências de Leitura”, da IX Bienal Internacional do Livro do Ceará. Estes estudantes fazem parte do projeto “Pequenos Contadores de Histórias”, desenvolvido pela secretaria da Educação de Sobral, e foram escolhidos pela 6ª CREDE para representar a Zona Norte na IX Bienal, pelo excelente desempenho na formação de leitores das turmas de 2º ano do Ensino Fundamental.

A bienal acontece de 9 a 18 de abril no Centro de Convenções do Ceará. Este ano, todas as salas, salões, auditórios e estandes do evento ganharam nomes de obras da escritora Rachel de Queiroz, em uma justa homenagem pela passagem do Centenário da escritora. Cerca de 600 mil pessoas devem visitar o evento e injetar na economia oito milhões de reais. São em torno de 400 editoras distribuídas em 109 expositores, comercializando 80 mil títulos. Além disso, estão sendo investidos R$ 230 mil reais para distribuição de notinhas legais, no valor de R$ 5,00 cada uma, para distribuir para os cerca de 50 mil alunos de escolas públicas e privadas que circularão pela Bienal. Porém, as ações de responsabilidade social não param por aí. A Bienal terá um espaço para 72 editoras independentes do Nordeste, que ocuparão uma ala sem nenhum custo.
terça-feira, 13 de abril de 2010
A quase universalização do acesso ao ensino básico no país, embora garanta ao brasileiro o cumprimento de um direito constitucional, trouxe a reboque problemas graves para o sistema de Educação. É que o salto de matrículas não foi acompanhado de investimentos em professores, espaços físicos, equipamentos.
No ritmo atual de melhorias, será difícil cumprir a meta estabelecida na última Conferência Nacional de Educação (Conae), que determinou um número máximo de alunos por turma — 15 na pré-escola, 20 nos anos iniciais, 25 nos anos finais do ensino fundamental e 30 no ensino médio — para garantir o mínimo de condições de aprendizagem.
Levantamento do Correio aponta que seria necessário expandir em 23% a quantidade atual de salas de aula, nessas etapas, para atingir o patamar considerado limite. O texto aprovado no encontro deve ser encaminhado pelo Ministério da Educação ao Congresso ainda este ano em forma de um projeto de lei. O cruzamento entre os dados mais recentes da Educação, referentes a 2009, revela a situação precária de superlotação nas Escolas brasileiras.
Nenhuma das 27 unidades da Federação trabalha com a proporção considerada limite pelo MEC. Na pré-escola, por exemplo, a média de alunos por sala de aula no país chega a 21,1 — enquanto o número máximo fixado na Conae é de 15 estudantes. Se a regra fosse aplicada hoje da pré-escola ao ensino médio, 5,5 milhões de alunos simplesmente ficariam sem atendimento. Garantir a expansão necessária de turmas não será tarefa fácil, reconhece Maria do Pilar Lacerda, secretária de Educação básica do MEC. “Precisaremos de no mínimo cinco anos para fazer isso”, calcula. No prazo imaginado pela secretária, seria necessário que o país inaugurasse 190 salas de aula por dia.
Fonte: 11/04/2010 - Correio Braziliense
Sempre digo que professor é a profissão mais importante porque ele forma do médico ao engenheiro, passando pelos cientistas - nenhuma atividade é tão essencial a uma sociedade como a educação. É por isso também que o professor tem de ser cada vez mais valorizado, até porque é a forma de atrairmos talentos para a sala de aula.

Tenho defendido essa posição toda a minha vida. Daí minha perplexidade ao ler muitos dos e-mails - alguns deles apenas insultos-- enviados por causa de minha posição sobre a greve dos professores, que acabou sem nenhuma reivindicação atendida.

Se tivessem lido os comentários com atenção, veriam que minhas posições ajudam muito mais o professor do que a defesa de posições corporativistas extremadas.

A greve não teve apoio da sociedade porque não se viu ali a defesa do aluno, mas de outros interesses - a sociedade só prestou atenção quando se fechou a Paulista e tumultuou o trânsito. Volto a dizer que o professor é massacrado diariamente e precisa expor seus dramas para melhorar suas condições de trabalho, a começar do salário.

Mas será difícil a sociedade apoiá-la se seus representantes pedem aumento do absenteísmo, fim das provas aos professores, ataques aos programas de mérito. Pior ainda, quando manifestações acabam de violência, gerando cenas que, de forma alguma, representam os professores - uma violência da qual a própria presidente do sindicato foi vítima durante a assembleia que decretou o fim da greve.

Gilberto Dimenstein
Fonte: 09/04/2010 - Portal Aprendiz

A escola que não alimenta direito é o título de uma reportagem bastante pertinente publicada pela revista época. Segundo a reporter Fancine Lima as mães querem que a qualidade do cardápio seja parte do programa educacional.
De fato, "a obesidade cresceu e a preocupação com a alimentação saudável desde o primeiro dia de vida das pessoas ganhou dimensões maiores. O cardápio tradicional das cantinas escolares, já faz alguns anos, tem sido alvo de críticas e até proibições, ao mesmo tempo em que os programas educacionais têm incorporado atividades com a finalidade de ensinar às crianças o que vale a pena comer. Mas ainda não deu para relaxar", diz a repórter Francine Lima.
Confira a matéria na íntegra pelo endereço http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI131909-15230,00-A%20ESCOLA%20QUE%20NAO%20ALIMENTA%20DIREITO.html
O distrito de Rafael Arruda parou no final da tarde desta quarta-feira, 7, para receber a sua mais nova ilustre moradora, Vitória Myriam, aluna da Escola Municipal Vicente Antenor, que chegava do Rio de Janeiro trazendo no peito a Medalha de Ouro da Olimpiada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas.
A solenidade aconteceu na tarde da última terça-feira, 6, contando com a presença do presidente Lula, ministros Fernando Hadad (Educação) e Márcio Fortes (Cidades).


O Governo do Estado entregou na noite desta quinta-feira, 8, no distrito de Jordão, mais uma das 96 escolas que estão sendo construídas no Ceará, desde 2007. A solenidade inaugural da Escola José Euclides Ferreira Gomes Júnior foi presidida pelo prefeito de Sobral, Leônidas Cristino, secretária secretária da Educação Estadual, Izolda Cela, deputado estadual Ivo Gomes, secretário da Educação de Sobral, professor Júlio César, além de lideranças políticas e comunitárias do distrito.
A unidade de ensino passou a beneficiar mais de 500 jovens da região, que atualmente estudam em quatro prédios cedidos pelo município. A iniciativa representa o compromisso do Governo do Estado e da Secretaria da Educação (Seduc), em oferecer ensino básico de qualidade aos jovens estudantes cearenses.
Na obra, foram investidos R$ 1,8 milhão, em área construída de 2.074,72 metros quadrados. Os alunos contarão com uma estrutura com 12 salas de aula, laboratórios de Química, Física e Biologia, biblioteca, sala de vídeo e informática, dependências administrativas, quadra e pátio cobertos, anfiteatro e estacionamento privativo. A Prefeitura construiu uma área de lazer, melhorando todo o espaço que fica defronte a entrada da escola.
quinta-feira, 8 de abril de 2010

Amanhã, 09/04, a Escola Cel. Francisco Aguiar realizará a I Feira de Matemática ECFA, com o objetivo de ampliar conhecimentos, divulgar o novo, valorizar a criatividade dos estudantes e incentivar o gosto pelos números a partir dos primeiros anos de escola, levando assim o aluno a desenvolver a capacidade lógica matemática.

Na oportunidade, será inaugurado o laboratório de Ensino de Matemática. O evento, será aberto ao público de 9h às 15h e promete surpreender os visitantes.

O apoio da comunidade e a participação dos pais são de fundamental importância para o sucesso dos alunos. Participe! Convidamos você e sua família para prestigiar o evento.

O Projeto “Pequenos Contadores de Histórias” será destaque no dia 11 de abril na “Exposição de Experiências de Leitura” da IX Bienal Internacional do Livro do Ceará. Através do referido projeto, a Escola Dep. Francisco Monte foi reconhecida como destaque pela 6ª CREDE, pelo excelente desempenho na formação de leitores das turmas de 2º ano do Ensino Fundamental. Esse é mais um momento importante da Educação Sobralense que tem como prioridade fortalecer a política de incentivo à leitura na rede municipal de ensino.

Uma proposta aprovada pelos participantes da Conae (Conferência Nacional de Educação) quer criar mecanismos para punir governantes – nas três esferas – que não aplicarem corretamente os recursos da educação

Uma proposta aprovada pelos participantes da Conae (Conferência Nacional de Educação) quer criar mecanismos para punir governantes – nas três esferas – que não aplicarem corretamente os recursos da educação. A chamada Lei de Responsabilidade Educacional seguiria os moldes da Lei de Responsabilidade Fiscal, mas não se restringiria aos investimentos, incluindo também metas de acesso e qualidade do ensino.

Ainda não existe um projeto de lei, o que foi aprovado pela conferência é o conceito da proposta. “Ela estabelece determinados deveres de cada nível de governo, de cada chefe do Poder Executivo. A função será estabelecer mecanismos melhores de controle, além de agilizar o gasto na área, que hoje é um problema grave”, diz o especialista em economia da educação, Cândido Gomes.

O presidente da Comissão de Educação e Cultura da Câmara dos Deputados, Angelo Vanhoni (PT-PR), acredita que o debate vai chegar ao Congresso Nacional, mas ressalta que a prioridade dos trabalhos neste ano é aprovar o novo PNE (Plano Nacional de Educação), que irá vigorar de 2011 a 2020.

“Em ano eleitoral, como os candidatos estarão debatendo a educação com a sociedade, achamos que o ambiente é favorável para que projetos dessa envergadura possam ser discutidos. Esse debate pode, inclusive, acompanhar a votação do PNE”, afirmou. Ele lembrou que já existem projetos de lei sobre o tema tramitando na Casa.

Para Gomes, no entanto, a aprovação de um projeto que pode punir os gestores públicos não será fácil. “Será preciso uma presença muito grande da sociedade civil, alianças com alguns partidos políticos e mesmo a atuação de organizações internacionais”.

Uma das possibilidades seria incluir a proposta no novo PNE. Mas Gomes disse que é preciso criar um projeto de lei específico sobre a responsabilidade educacional, já que o plano tem vigência de apenas dez anos.

Para o presidente da Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação), Carlos Eduardo Sanches, a Lei de Responsabilidade Educacional seria uma grande ferramenta para garantir “que os recursos da educação sejam efetivamente aplicados na melhora do desempenho dos alunos”. Ele ressaltou que é importante que a legislação defina exatamente qual será o papel de cada um dos entes federados.

“Também será necessário melhorar a estrutura técnica e o quadro de pessoal das secretarias de Educação. Infelizmente, na maioria dos municípios, não temos pessoal qualificado para que a gente consiga avançar na aplicação dos recursos”, acrescentou.

Fonte: 07/04/2010 - Agência Brasil

Obrigada pela visita!!!

Redes Sociais

Hora certa

Previsão do Tempo

A Hora da e Escola

A Hora da e Escola
Toda quinta-feira, às 13h30min, na Rádio Caiçara

Blogs Indicados

Meus Vídeos

A Embriaguez do Movimento

Posts do Blog

Seguidores

Popular Posts